CHARADA - O estranho do metrô


         Um dia, eu estava esperando para entrar no metrô. Eu estava comendo a maçã que eu sempre trago do café da manhã, e eu decidi sentar num banco ao lado de um mendigo. Enquanto esperávamos, vimos um homem gordo caminhar por nós. O mendigo então murmurou, “Porco".
        Eu não dei muita atenção, mas achei que o comentário foi rude. Demoraria ainda alguns minutos até o próximo trem do metrô chegar, e outro homem passou por nós. Ele era alto, usava um terno. Enquanto ele passava, o homem disse: "Humano". Eu não pensei demais a respeito do comentário, até porque, obviamente, era um humano. O metrô finalmente chegou, e eu fui para o trabalho.
        No dia seguinte, o mendigo ainda estava lá na estação de metrô. Hoje eu assisti a uma certa distância. Várias pessoas passaram por ele, uma mulher magra, um homem musculoso, e uma senhora idosa. Por sua vez, ele murmurou, "Sopa", “Porco" e “Biscoito". Rótulos estranhos, eu pensei, porque, obviamente, nenhum deles era um biscoito. Peguei o metrô de novo, e fui trabalhar. Eu não conseguia parar de pensar sobre o homem estranho na estação de metrô.
        Eu o observei pelos dias que se seguiram, e ele continuou com este comportamento estranho. Ele chamava as pessoas de pão, cenoura, coelho, leite e outras coisas estranhas.        
        No dia seguinte, eu passei pelo mendigo mais uma vez, e ele silenciosamente murmurou, “Maçã". Nesse momento, eu finalmente entendi o que estava acontecendo. Então, lembrei de algo, e fiquei bastante chocado.
        Qual era a habilidade do mendigo e por que eu fiquei chocado?

        Dica: Estou pensando no que vou comer amanhã no café da manhã.....



RESPOSTA

     



contato@charadaslegais.com.br

Política de Privacidade